Bem-vindo ao site oficial da Comunidade 0937

Somos um grupo de fãs de LEGO sediado em Portugal e fundado em 2006.
Temos como missão promover este passatempo para todas as idades, realizando exposições e encontros um pouco por todo o país. Disponibilizamos ainda este espaço online, uma plataforma de discussão e informação que é também a principal porta de entrada para novos membros que se queiram iniciar neste passatempo.
Clique aqui para saber mais sobre nós.

MOC do Mês de Maio de 2009

Nome do MOC: Cruzador de batalha VL 0937 Gualdim Pais

Pequena descrição do MOC:

Este navio de guerra representa um híbrido, ou seja, uma junção de diversos componentes dos couraçados de diferentes nações, que foram os reis e senhores no mar entre o final do século XIX e o início da 2ª Guerra Mundial. A estatura de um país no mundo era então medida pelo número de couraçado e cruzadores de batalha.

Razões para construir este MOC:

Quando percebi que o 2º Tomar Lego se aproximava, decidi construir um moc para mostrar as minhas capacidades na construção nos legos aos outros Afols e ao mundo.
Eu queria construir algo de propósito para o evento, algo grande, que chama-se a atenção, que pelo menos pudesse rivalizar em tamanho, grandiosidade e aparência com a catedral do Romão.
Tomar era o objectivo e felizmente consegui atingi-lo ^^
Mas construir um navio deste tamanho, não é nada fácil…

Maiores dificuldades

Inacreditavelmente, não tive dificuldades nenhumas durante a construção, o radar foi a parte mais complexa, mas foi resolvido em pouco tempo.
As únicas dificuldades reais foram o tempo e as encomendas de peças do bricklink.
Construí este moc um bocado de cada vez, quando chegava a casa á noite, quando tinha tempo durante o dia, nas férias… mesmo assim, foram 3 a 4 meses de construção.
O outro grande problema foram as encomendas. Levaram muito tempo a chegar, algumas extraviaram-se…. cheguei a pensar que não o teria terminado a tempo para o evento em Tomar.
Mas tudo se resolveu.

Farás modificações/melhoramentos?

De momento, não tenciono alterar o projecto, até porque não tenho muito bem a certeza do que vou fazer com ele…
O mais provável é desmontá-lo e construir um navio novo, para não ser sempre o mesmo. Assim, posso evoluir e introduzir novas técnicas de construção que entretanto desenvolvi ou aprendi.
Contudo, posso sempre converte-lo noutro. Por exemplo, existe a possibilidade de remover as torres da retaguarda e colocar um pequeno convés de voo para alguns aviões de ataque, tornando-o num couraçado híbrido.

Inspirações

Muitas e variadas. Ouve influências noutros mocs legos no brickshelf e em navios da vida real.

Legos:
O projecto só poderia ter atingido o tamanho que atingiu quando vi este projecto lego:
http://www.brickshelf.com/cgi-bin/gallery.cgi?f=371053

Com 2,6m e 9 canhões principais, o Yamato era um concorrente difícil. Por isso, a minha megalomania levou o projecto a atingir os 2,8m e 15 canhões principais, só para ter algo maior e melhor!
Contudo, esta megalomania toda quase que condenou o projecto ao fracasso, devido ao atraso nas encomendas, falta de peças, etc.

Navios:

Ouve diversas influências, nomeadamente diversos navios do jogo Warship Gunner 2 e navios da vida real.
Em navios da vida real, como vimos, ouve diversas influências:
a torre de controlo é um desenvolvimento da torre do couraçado Bismarck. http://www.thoughtsongod.com/wp-content/uploads/2009/04/bismarck1.jpg
as torres de artilharia são um design meu.
a configuração das torres principais, 5 no total, vieram dos couraçados alemães da classe Konig

e o casco, é um casco mais longo do couraçado Yamato, embora muito mais estreito http://digiphoto.us/images/yamato/yamatoatsea704702a.jpg

É curioso referir que o couraçado operacional com mais canhões principais alguma vez construido, o HMS Agincourt, só dispunha de 14. O meu tem 15!!!

Características, dimensões, nº de peças e peças raras

Comprimento, 2,8metros e 15 grandes canhões de puro poder lego/naval!!!
Com uma estimativa de 32000 peças, este navio deixa a sua marca, não sendo um moc “grande” pelo seu comprimento, mas sim um “grande” moc pois permitiu-me construir algo que chamou realmente a atenção dos visitantes na 2ª Expo em Tomar e que me colocou ao mesmo nível dos melhores construtores em Portugal.

Fiquei muito feliz com a construção deste navio. Muito mesmo.

Comments are closed.