Bem-vindo ao site oficial da Comunidade 0937

Somos um grupo de fãs de LEGO sediado em Portugal e fundado em 2006.
Temos como missão promover este passatempo para todas as idades, realizando exposições e encontros um pouco por todo o país. Disponibilizamos ainda este espaço online, uma plataforma de discussão e informação que é também a principal porta de entrada para novos membros que se queiram iniciar neste passatempo.
Clique aqui para saber mais sobre nós.

MOC do mês de julho de 2016: UMM Alter II

A Comunidade 0937 elegeu o UMM do Biczzz como MOC do Mês de julho. Esta construção mostra o regresso do Biczzz às suas habituais incursões automobilísticas. Podem saber mais sobre este MOC nas seguintes linhas:

Descrição:
Este MOC é uma réplica em LEGO do UMM Alter II.
Em Portugal, o UMM é um carro que dispensa apresentações. Um veículo todo-terreno que, apesar de já não ser produzido há alguns anos, ainda se encontra com frequência nas nossas estradas. Este modelo teve várias versões e utilizações, desde lazer, agrícola até às forças de segurança e militares. Hoje é considerado um clássico e um dos veículos de maior sucesso da indústria automóvel portuguesa.
Sobre o MOC em si, é o típico veículo que se enquadra no tema Model Team. Tem uma carroçaria que representa a versão soft-top com capota em lona, portas que abrem, interior detalhado, direção a partir do volante, suspensão e motor (não funcional, apenas estético). Estes três últimos pormenores, em particular, são o que distinguem esta versão final da versão que esteve em exposição no Fan Weekend 2016 em Paredes de Coura, onde este MOC foi revelado pela primeira vez.

Razão:
A razão principal foi construir um veículo português. Não existem muitos e a maioria são raridades que entretanto se desvaneceram da memória. Sobram apenas três modelos que, na minha opinião, tiveram sucesso, ainda são reconhecidos e foram produzidos em maior número: Portaro, Sado 550 e os UMM. Escolher o UMM Alter II foi quase natural. Ao contrário dos outros dois, este ainda se encontra um pouco por toda a parte.
A outra razão foi acrescentar alguma diversidade que faltava à minha coleção, que já conta com uma boa parte de hot rods inspirados pela cultura dos Estados Unidos.

Maiores dificuldades:
Apesar do desenho do UMM ser muito simples, é constituído em grande parte por superfícies que formam vários ângulos subtis entre si. Esta foi a maior dificuldade, conseguir transpor para as peças todos estes ângulos, tentando ao mesmo tempo que o modelo ficasse suficientemente resistente.
Outra dificuldade foi conseguir que todas as portas abrissem sem esforço e, ao mesmo tempo, sem que isso se note na carroçaria. Normalmente é preciso criar algum espaço adicional para compensar a espessura das peças, o que consegui contornar usando panels (por exemplo, o 4865: Panel 1 x 2 x 1).

Pormenor a destacar:
Sem dúvida, a parte da frente, em especial o capot. É a parte mais sensível e que acho que ficou muito próximo do modelo real. Não tão complexa, acho que a parte traseira também merece o seu destaque pelas mesmas razões. Em especial os faróis na posição correta e ligeiramente sobressaídos e a abertura da porta suportada pelas barras, igual ao original.

Alterações:
Há sempre alguma coisa que pode ser melhorada. Mas para já, uma alteração imediata seria trocar algumas peças que não existem ou não estavam disponíveis na cor certa. Também é esta a razão de o ter construído em branco, originalmente seria em amarelo.
Alguns pormenores no motor também deviam ser revistos, tendo como base fotos do motor da versão correta do modelo, que na altura foram difíceis de encontrar.

Inspirações:
O modelo original foi a fonte de inspiração.

N.º de peças/peças raras:
As plates 2×2 transparentes usadas nos faróis devem ser as peças mais raras. Não esperava encontrá-las, pelo que na versão anterior eram em preto com autocolantes.
Não sei o número de peças, mas cheguei a construir cerca de metade em LDD e já nessa altura contava com mais de 700.

Comments are closed.